Gerenciamento dos planos

  • A CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA oferece os Serviços Online. Um ambiente totalmente seguro onde você pode acessar os serviços que possibilitam acompanhar seu plano a qualquer momento de uma forma simples, tranqüila e prática. Este ambiente está disponível no próprio site da CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA.
  • A CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA disponibiliza duas formas para você acompanhar constantemente a rentabilidade do seu plano, proporcionando maior transparência e credibilidade: . No próprio site da CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA. . Por meio de jornais especializados (Gazeta Mercantil, Valor Econômico etc.) divulgada diariamente.
  • O cliente é quem escolhe o tipo de fundo onde deseja aplicar os seus recursos, de acordo com o seu perfil de investidor, seja ele conservador, moderado ou arrojado. Os recursos aportados são investidos em cotas de Fundos de Investimento, administrados pela CAIXA. Vale ressaltar que toda a rentabilidade alcançada com a aplicação dos recursos é repassada ao cliente e diferente dos fundos de investimentos comuns não há incidência de IR sobre os rendimentos no período da aplicação.

Previdência CAIXA

  • Porque é uma empresa do grupo CAIXA, uma instituição financeira que há 145 anos gerencia e administra as contas de milhões de brasileiros. A CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA possui os Planos Inteligentes, que aliam acumulação de recursos para o futuro e a tranqüilidade da sua família no presente, com os planos de proteção. E, além disso, os planos possuem ótimas rentabilidades e muitas outras vantagens para os clientes.
  • O ideal é que os pagamentos sejam realizados por meio de débito em conta corrente. No entanto se o cliente não for correntista da CAIXA, ele poderá efetuar as suas contribuições por meio de boleto bancário.
  • Todos os planos da CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA são fiscalizados pela SUSEP (Superintendência de Seguros Privados), órgão fiscalizador e regulador da previdência complementar aberta, que garante a proteção dos interesses dos participantes e assistidos. Além disso, o cliente conta com a solidez e segurança da CAIXA como gestora dos seus recursos, um banco moderno e competitivo que atua há mais de 145 anos no mercado brasileiro.
  • Sim. Se você possui recursos aplicados em outras instituições de previdência, pode transferí-los para a CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA sem a incidência de despesas administrativas e, assim, contar com a nossa segurança e credibilidade.

PGBL ou VGBL

  • O Plano Gerador de Benefícios Livre (PGBL) é uma das modalidades disponíveis nos planos de previdência complementar. Esta modalidade é ideal para quem utiliza declaração completa de Imposto de Renda e contribui para a Previdência Social (INSS). As contribuições realizadas nesta modalidade permitem a dedução da base de cálculo do Imposto de Renda, até o limite de 12% da sua renda bruta anual. No caso de resgate do recurso ou recebimento de benefício, o Imposto de Renda incidirá sobre todo o valor recebido, conforme o modelo tributário escolhido.
  • O Vida Gerador de Benefícios Livre (VGBL) é modalidade recomendada para quem está isento de Imposto de Renda ou utiliza a declaração simplificada. É ideal também para atender os clientes que desejam depositar mais de 12% da sua renda bruta em previdência complementar. Nesta modalidade não há benefício fiscal e, por isso, há incidência de Imposto de Renda apenas sobre a rentabilidade alcançada com os recursos depositados, não sendo possível deduzir as contribuições da base de cálculo.
  • A principal diferença entre as duas modalidades refere-se ao benefício fiscal. Na modalidade PGBL, é possível abater as contribuições da base de cálculo de Imposto de Renda, usufruindo assim do benefício fiscal. O valor resgatado será tributado na sua totalidade de acordo com a opção de tributação escolhida. Ao contrário, no VGBL as contribuições não poderão ser deduzidas da base de cálculo. A incidência de IR ocorrerá somente sobre a rentabilidade dos recursos depositados no plano.
  • É um benefício oferecido pelo Governo Federal, onde você pode deduzir as contribuições realizadas em planos de previdência complementar, limitadas a 12% de sua renda bruta anual. Para usufruir deste benefício, é necessário ter investido em um plano PGBL, fazer a declaração completa de I.R. e estar em dia com as obrigações perante a Previdência Social. Essa dedução acarretará em uma base tributável menor e, conseqüentemente um menor valor de imposto devido.

Renda e reserva acumulada

  • . Renda vitalícia – Renda mensal e vitalícia a ser paga ao participante, após cumprido o prazo de diferimento contratado. O pagamento desse benefício somente cessará com o falecimento do participante. . Renda vitalícia com prazo mínimo garantido - Renda mensal a ser paga vitaliciamente ao participante, após cumprido o prazo de diferimento. Além disso, ele determina um prazo entre 5 e 15 anos, durante o qual a renda será revertida aos seus beneficiários, caso ocorra o falecimento. Esse prazo começa a ser contado a partir da data de aposentadoria. . Renda vitalícia reversível - Renda mensal a ser paga vitaliciamente ao participante, após cumprido o prazo de diferimento. Além disso, ocorrendo o falecimento do participante, um percentual da renda (50%, 75% ou 100%), conforme escolha do participante, será revertido vitaliciamente ao beneficiário indicado. Esse benefício se extingue com a morte do participante e do beneficiário. . Renda temporária - Renda mensal a ser paga temporariamente ao participante (de 5 a 35 anos), após cumprido o prazo de diferimento. O benefício cessa com o seu falecimento ou com o fim do prazo contratado.
  • No caso de falecimento durante o período de contribuição, os beneficiários indicados na proposta receberão a reserva acumulada no plano. Caso nenhum beneficiário tenha sido indicado, os herdeiros legais terão direito a reserva, conforme legislação vigente. Será possível optar por receber o valor total ou contratar um novo plano convertendo em uma renda imediata.
  • Após cumprido o prazo de carência do plano, o cliente pode resgatar parcial ou totalmente os recursos depositados no plano. Porém, é recomendado que se evite resgatar o dinheiro destinado para previdência, pois poderá comprometer o benefício futuro. Caso realize um resgate parcial, o valor mínimo necessário na reserva do seu plano é de R$ 150,00 para não resultar no seu cancelamento.
  • O primeiro resgate, parcial ou total somente será efetivamente liberado após o prazo de carência de 12 meses, contados da data de ingresso do cliente no plano. Os demais resgates devem observar o intervalo mínimo de 60 dias.
  • Você pode interromper temporariamente o pagamento das contribuições, voltando a pagar quando quiser. Caso você tenha contratado Cobertura de Proteção, ela ficará suspensa durante o período em que não houver pagamento. Caso essa interrupção seja superior a seis meses, a reabilitação dessas coberturas se dará mediante nova análise de Declaração de Saúde e novo prazo de carência.

Valores para contribuição

  • O cliente é quem define o valor que deseja contribuir para seu plano, observado o valor mínimo mensal de R$ 50,00 e aporte inicial de R$ 150,00.
  • Durante o período de acumulação dos recursos (prazo de diferimento) o cliente pode aumentar ou reduzir, a qualquer momento, o valor da contribuição. Desde que respeitado o valor mínimo mensal de R$ 50,00.
  • São contribuições que podem ser realizadas a qualquer momento, durante o período de acumulação para aumentar o valor da reserva acumulada, independente da periodicidade de pagamento escolhida para o seu plano.
  • Neste caso, o dinheiro depositado no fundo continuará rendendo. Caso o plano tenha Cobertura de Proteção, ele ficará suspensa durante o período em que não houver pagamento. Caso essa interrupção seja superior a seis meses, a reabilitação destas coberturas se dará mediante nova solicitação de contratação.
  • Sim. Existem dois ajustes no cálculo do valor da contribuição: reajuste e reenquadramento. O reajuste consiste na atualização realizada sobre as contribuições com base em índices inflacionários, de forma a evitar que os benefícios contratados ou estimados percam o seu poder de compra ao longo do tempo. Este reajuste é realizado anualmente na data de aniversário do plano. O reenquadramento, que incide apenas nas Coberturas de Proteção, tem como objetivo compensar os avanços das idades dos clientes e seus beneficiários para garantir a segurança do processo e do valor da cobertura contratado. Este reenquadramento é apurado anualmente na data de aniversário do participante e dos seus beneficiários.
  • O cliente é quem decide o período que deseja contribuir para o plano. Lembramos que um plano de previdência é um investimento de médio e longo prazo e quanto mais tempo permanecer no plano, maior será a reserva acumulada.

Planos Inteligentes

  • São planos de previdência complementar da CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA que aliam a acumulação de recursos para o futuro à proteção da sua família no presente e a personalização do plano de acordo com a sua necessidade.

Idade para contribuição

  • Não existe idade certa para começar a contribuir para um plano de previdência complementar. O ideal é que este planejamento comece o mais cedo possível. Por ser um investimento de médio e longo prazo, quanto mais cedo iniciar os pagamentos, menor será a contribuição necessária para acumular a reserva desejada. Além disso, quanto maior o prazo de acumulação maior será a reserva no final do período.
  • É de livre escolha do cliente.

Previdência Complementar

  • A Previdência Complementar é a melhor alternativa de médio e longo prazo para garantir uma estabilidade financeira, pois permite o planejamento do futuro de forma flexível e de acordo com as necessidades de cada um. A Previdência Complementar é a opção ideal para os trabalhadores que querem ter uma aposentadoria tranqüila, realizar um projeto de vida, ou ainda, para quem planeja custear a educação de uma criança.
  • Qualquer pessoa pode contratar um plano de previdência complementar para acumular recursos, independente da sua idade. Para quem contratar coberturas de proteção a idade mínima é de 16 anos e a máxima de 60 anos. No caso de maiores de 16 anos até 21 anos, a Proposta de Inscrição deve ser assinada apenas pelo responsável.
  • Todos os planos da CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA são fiscalizados pela SUSEP (Superintendência de Seguros Privados), órgão fiscalizador e regulador da previdência complementar aberta, que garante a proteção dos interesses dos participantes e assistidos. Além disso, o cliente conta com a solidez e segurança da CAIXA como gestora dos seus recursos, um banco moderno e competitivo que atua há mais de 145 anos no mercado brasileiro.
  • São coberturas adicionais que devem ser contratadas a qualquer tempo (durante o período de acumulação) para garantir uma maior segurança e tranqüilidade para você e sua família. As coberturas de Proteção disponíveis na CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA são: - Pecúlio - Pagamento de valor único ao(s) beneficiário(s), caso ocorra o falecimento do cliente durante o período de acumulação de recursos. - Pensão por prazo certo - Renda mensal temporária, de 1 a 10 anos, a ser paga ao(s) beneficiário(s) na eventualidade de ocorrer o falecimento do participante, durante período de acumulação dos recursos.
  • Sim. No site da CAIXA VIDA & PREVIDÊNCIA você encontra o simulador de perfil, para descobrir o seu perfil de investidor, e o simulador de produto.
  • Nos planos de previdência incidem as seguintes taxas: - Taxa de carregamento – é o percentual incidente sobre as contribuições pagas para atender as despesas administrativas do plano. - Taxa de administração do fundo – é o percentual cobrado, pro rata die, pelas entidades de previdência sobre a reserva acumulada no plano, utilizada para custear as despesas administrativas do fundo. - Taxa de saída - é um percentual incidente (somente em planos contratados até 30 de junho de 2007), durante o período de acumulação de recursos no plano, sobre valores resgatados ou transferidos.

Fundos de previdência

  • Os fundos oferecidos são: (a) RF – este fundo é destinado aos clientes conservadores. Sua carteira é composta por títulos de renda fixa (por exemplo, Títulos Públicos Federais como LFTs, LTNs, NTNs etc.); (b) RV 15 – este fundo é para aqueles clientes com perfil moderado. A sua carteira é composta por até 15% dos recursos aplicados em renda variável (ações) e o restante em títulos de renda fixa; (c) RV 30 – este é próprio para clientes com perfil de investidor arrojado, que gostam de correr um pouco de risco na busca de rentabilidades mais elevadas. A carteira de investimentos deste fundo é composta por até 30% dos recursos aplicados em renda variável (ações) e o restante em títulos de renda fixa. (d) RV 49 – este último é próprio para clientes com perfil de investidor ainda mais arrojado, que assumem correr riscos maiores na busca de rentabilidades também maiores. A carteira de investimentos deste fundo é composta por até 49% dos recursos aplicados em renda variável (ações) e o restante em títulos de renda fixa.

Chamada Footer Produto Prev

CAIXA PREVIDÊNCIA S/A - CNPJ 03.730.204/0001-76 - SCN Qd 1 Bl A Ed. Number One - 13º andar - Brasília - DF